quarta-feira, 23 de julho de 2008

Medo

Como não ter medo?

Medo é um sentimento? Ou um carma?

Do que você tem medo?

Você gostaria de prever seu futuro?

Medo é uma coisa imprescindível em qualquer pessoa, seja ele um sentimento ou não. É importante ter medo, chega a ser impossível não ter. Medo pela coisa mais simples, medo pelo óbvio. Medo de andar na rua, medo de aranhas, medo de galinhas. Animais, o que eles podem fazer contra nós? Mas é assim, é o medo, e não tem quem consiga derrotá-lo.

Exite tratamentos. Lógico, pra quem tem pânico, síndrome, obsessão etc. Mas o seu medo é essencial. Não adianta dizer que não tem, por que aí você não será humano. Quem, por acaso, tem medo do acaso? "O acaso sabe como ninguém encontrar aqueles que sabem servir-se dele".
E servir-se do acaso é ter medo do futuro, ou deixar que ele o leve a qualquer lugar, sem você determinar as direções? Ter medo de seguir em frente, medo do desconhecido. É normal ter medo.

O amanhã me trás medo. Medo de o acaso me pegar e algo ruim acontecer, ou até de algo bom. Por que não ter medo de que aconteça algo bom? Um cara se aproxima, pede licensa e senta na mesa. Vocês conversam, depois de um tempo ficam, namoram, se casam e vida feita. E isso não trás medo?

O futuro também me trás medo. Tentar enchergar pelo vidro embaçado do futuro e tentar me ver do outro lado, isso é o que mais me assusta, até porque o outro lado é algo completamente indefinido, desconhecido. Entretanto, não confuda planejar com tentar prever. Eu, talvez por não conhecer isso direito, ou por puro pé-no-chão, não acredito em quem se diz "vidente". Prefiro deixar as coisas rolarem, como devem ser, mas comigo no comando. Mas, e se tudo der errado? Esse talvez seja o grande dilema de todos, o grande medo.

Se o pânico lhe faz mal, "procure seu médico, eu procuraria"*. Ter cuidado também faz bem, é a precaução pro medo. Como se pudesse contornar a situação. Então, se não ouvesse medo, aonde ficaria a precaução, e o cuidado com suas coisas/pessoas/animais etc.?


-

Mimooos, eee, coisa boua! Assim dá até pra ficar mal acostumada.


Obrigada, Vanessinha (olha a intimidade! =X). Adoro seu cantinho x)



E esse vai para Além das palavras... , que, com seus trancos e barrancos, ainda consegue sorrir e contar tudo pra nós rir! :) (ee rimou)


Obrigada, Intense. Nem precisa dizer, né?



E esse vai para Cartas Públicas, e mais que blog criativo! adoro! :D


-

*frase do Pelé, que a completa é: "No tempo em que eu jogava futebol, ninguém tinha desses problemas, ou pelo menos ninguém admitia. Mas milhões de homens, muitas vezes este estádio cheinho, têm problemas de empinamento de pipa. Se o seu papagaio anda passando você pra trás, procure seu médico. Eu procuraria." (ahahahahah Pelé foda! =x)

16 comentários:

Camila disse...

o medo é o nosso norteador, eh a essencia da nossa sobrevivencia, o medo e o nojo, e essas sensações, nos afastam do q pode nos ferir... belo texto...


aa obrigadissimo pelo presente, adorei mesmoo... receber um premio que eu mesma fiz..mto legalll
e vc merece mto ele, mto mais do q eu...

beijaooo

Maldito disse...

Todo dia eu pego o medo, meço, mato e guardo,...

Bjs

Marina Melz disse...

o medo é um dos assuntos mas recorrentes nos meus textos e na minha vida, talvez porque seja constante aqui dentro. muito bom não sentir-se só nesse mundo de temores.

Ana Baldner disse...

Eu tenho medo... alias tenho muito medo... é normal sentir... mas d+ as vezes é ruim...

bjs

Anônimo disse...

"Alegria, furor de alegria! Luz que ilumina tudo que é e será, divina alegria de criar! Não há na terra outros seres além dos que criam. Todos os demais são sombras que adejam pela terra, estranhos à vida. Todas as glórias da vida se resumem na alegria de criar: amor, gênio, ação, chamas de forças saídas de um único braseiro. Mesmo aqueles incapazes de achar lugar em torno da grande fogueira, procuram aquecer-se em seus reflexos desmaiados. Criar, na esfera da carne ou na esfera do espírito, é sair da prisão do corpo, é projetar-se na voragem da vida, é ser aquele que É! Criar, definitivamente, é matar a morte.”

Jéssica, a título de ilustração: o mesmo homem que escreveu a frase sobre o acaso entre aspas no seu texto – e o fato de ter posto aspas, prova sua honestidade – é esse deste texto estimulante aí de cima. Seu nome, Romain Rolland. Sua obra mais famosa, responsável por um Nobel de literatura em 1915, chama-se “Jean Christophe”. E se um dia esse livro raro cair-lhe nas mãos, agarre-se a ele, com todas as suas forças e com toda a sua atenção. Vai mudar a sua vida, lógico que para melhor.
Beijos!

Vanessa disse...

O medo é o freio que nos dá quando vamos atravessar uma rua em meio a tanto carro.É ele que nos livra de muita coisa ruim acontecer...
Mas, também é ele que nos deixa perder muita coisa, não aproveitar o momento.
Eu tenho medo do hoje, do amanhã e até do passado que já foi mas pode voltar através de lembranças. Eu tenho medo de tanta coisa que o melhor a fazer, é tentar pensar menos nelas.

E o selo foi mereceido Jel...srs
e pode chamar de Nêssa, Van, Vane, Vanesssinha...como preferir.
Lendo os blogs, desabafos de cada um, é impossível não ficar intímo.
beijaoo

O ANTAGONISTA disse...

Às vezes me pego pensando em como a vida da gente é frágil, como ela se equilibra numa linha tênue de paz e tranquilidade, tão fácil de ser balançada ou até mesmo rompida... mas não é bom pensar muito nisso, senão, a gente entra em pânico...

Há medos que prefiro nem pensar, que gostaria de não ter!

Valeu.

Layz Costa disse...

De verdade, o medo é essencial.
O post lá no meu blog tem uma pitadinha de medo, aliás o medo pequeno é ansiedade e quando cresce vira medo.
Adooro aqui!
beijo
;*

Candy disse...

Ah, medo vai sempre existir mesmo. Medo do conhecido, do desconhecido, do passado, do presente, de tudo.
O que vc vai fazer com esse medo é que pode mudar o rumo das coisas!

Vc falou sobre o medo do futuro. Esse tem sido meu "medo mais medo", entende?

;***

obg pelo seliiinho
huhuhu
postei lá
:D

Layz Costa disse...

tem uma tarefiinha pra vc lá no blog.
;)

Vanessa disse...

Seu comentário me fez sorrir.

Crônico disse...

legal seu blog
quase tive medo de comenta-lo
mas passou
minha coragem é mais forte
hehe

Cámila disse...

Mas medo tem que existir!
Senao o mundo estaria totalmente errado nao concorda??!

O pessoal não ia ter medo de ser preso e nem de apanhar e tudo mais!
ai iria bagunçar!

Paz... disse...

ai eu tenho alguns medos.
obrigada pela visita ao meu blog... volte mais vezes.
=*

Vanessa disse...

Tem presentre pra você lá no blog
beijao

Thay disse...

Ameeiiiii

Bjooo;***