quinta-feira, 4 de setembro de 2008

Cansaço e uma música

Este post é real. Sou eu quem escrevo, é meu. Depois dessa, por favor, aprendam a ler os marcadores. ¬¬'


Acontece que estou cansada.
Cansada de mim.

Você já se sentiu assim? Cansada de viver. Cansada de olhar para o mesmo rosto no espelho todos os dias. Procurando uma coisa a mais, algo ainda não descoberto, mas sem encontrar. Talvez sem tempo demais para procurar, sem cabeça pra pensar nisso. Só olhar e procurar, e nada achar.

Estou cansada de acordar todos os dias cansada. Acordar como se estivesse morrendo aos poucos, a cada dia. Ao ir domir, desejando que o amanhã não existisse. Desejando que a chuva cessasse ou que o sol desaparecesse - deveria ser noite o tempo inteiro. O escuro me acalanta, consigo não ver o que preciso ver. Posso deitar minhas pálpebras sem me preocupar se estou ou não perdendo alguma coisa.

Ando cabisbaixa, com a cabeça maior que eu. Cheia, lotada de mim. Saturada das mesmas coisas, dos mesmos dias, dos mesmos rostos. Cansada de falar e fazer (quase) as mesmas coisas. E mesmo assim, ainda tem um vazio imenso aqui dentro. Um vazio impreenchível.

Não consigo ver razão para isso - o clarão do sol me encandeia. Não tem motivo, nem causa, só cansaço. Sou eu, assim, cansada. Morta nas pernas. Sem vontade, sem motivo, sem uma meta. A meta que me mantinha em pé se foi, deixando resquísios quase impertinentes demais para se acreditar. Vivo inerte ao mundo, mas ainda sim quero e tento fazer parte dele.

Estou cansada de viver, cansada de sonhar. Cansada de imaginar situações e ficar com esse "apertinho" no peito, achando que sinto alguma coisa, quando eu sei que é tudo coisa da minha cabeça... Mesmo. Preciso sentir para ver se acordo dessa letargia infinita... Mas, talvez isso nem funcione. Quem sabe?

Eu não sei mais o que eu quero, não sei mais o que fazer, não sei. Estou cansada. É tudo que sei. Cansada de mim, cansada do mundo e, principalmente, cansada de sonhar.

-
Uma música:

Conheci esse cara numa comunidade que frequento (como BBB, mas ainda sim frequento), acabei baixando, ouvindo e adorando. Mesmo fugindo de tudo o que eu costumo escutar, eu adorei. Recomendado. Pra quem gosta de samba e mpb, claro.



Cartola - O mundo é um moinho

Ainda é cedo amor
Mal começaste a conhecer a vida
Já anuncias a hora de partida
Sem saber mesmo o rumo que iras tomar

Preste atenção querida
Embora eu saiba que estás resolvida
Em cada esquina cai um pouco tua vida
Em pouco tempo não serás mais o que és

Ouça-me bem amor
Preste atenção o mundo é um moinho
Vai triturar teus sonhos, tão mesquinho.
Vai reduzir as ilusões à pó

Preste atenção querida
Em cada amor tu herdarás só o cinismo
Quando notares estás à beira do abismo
Abismo que cavastes com teus pés


Escute:



23 comentários:

Conde Vlad Drakuléa disse...

Pousei!
Mas tu és tão linda, se eu tivesse teu rosto em vez desse meu horroroso de monóculos e tudo estava excelente!
Acho que deves sair em uma viagem, pegue uma mochila, fale com seus pais, (é óbvio), e viaje um pouco, conhecer news peoples, news lugares?
Que tal? Gostas de castelos medievais? Bragança Paulista tem um belíssimo aqui na rua Transilvânia, he,he,he... "O clarão do sol me encadeia", você diz, no meu caso, "O clarão do sol me incendeia", se sair durante o dia viro pó! Tu é que tens sorte, pois és humana e podes viajar, 'desde que com segurança', por vários lugares legais... Em relação à música, esse homem, Cartola, foi um grande músico, homem de bem, herói brasileiro mesmo, As rosas Não Falam, O Mundo é um Moinho, sambas de uma época em que ainda haviam sambistas nos morros, hoje dominados pelo lixo humano dos bandidos vis, eu também já me queixei muito às rosas, até perceber que elas não falam, mas pelo menos elas exalam o perfume que roubam de ti, doce Jéssica!
Beijos e anime-se nobre e querida amiga!
Nhac,nhac,nhac :
Voei!

l'esprit fabuleux disse...

acho que é normal se sentir assim, são fases da vida e isso vai passar pra vocÊ como um dia passou pra mim, pode ter certeza :)

ótimo dia o/

JLM disse...

Aceita a dica d quem já pensou exatamente a mesma coisa q vc? isso passa.

Pense q o seu cansaço, o seu sonhar, o seu esperar por algo q não vem logo, fazem vc ser a pessoinha interessante q vc é. E só vc no mundo inteiro é vc. Um sonho seu é só seu, um beijo na tua boca só tem o gosto do beijo na tua boca, o q vc pensa hj vai ser mto dq será a Jéssica de alguns anos.

Por isso, 1 abraço minha miguinha briguenta ("aprendam a ler os marcadores") e preciosa.

Sergio disse...

Isso aí, Jim! Mas se ela é briguenta tem que bater mais e se abater menos. Tem que golpear as adversidades e vencê-las por nocaute! Olho roxo nos problemas! E que venham outros desafiantes mais cabeludos! Dimenórzina cada vez mais músculos-de-aço vai escaupelar.

Deu pra se ver de pé apoiada às cordas do ringue, olhando o juiz finalizar a contagem regressiva pro vencido? Então, ânimo, pequenina! Olha a cara feia do próximo adversário com ironia e enfia a porrada nele!
Beijos.

Kari disse...

Já me senti assim cansada. Começei ontem a escrever algo que começava dizendo o quanto me sinto cansada ultimamente. Cansada das coisas serem sempe iguais. De sonhar, sonhar e nada acontecer como queria. De querer e nunca poder fazer por vários motivos...

Sei bem como se sentes... Aí aí...

Beijos

kinha disse...

Música, música, músicas.
Quem nunca fez uma trilha sonora da própria vida ?!

Como sempre, lindo.
Beijos ;*

Lile disse...

Oi, moça!
Isso que você está sentindo passa. E volta. E passa de novo. É até estranho dizer, mas é normalíssimo.
E Cartola é show de bola (não era pra rimar, não!)
Bjo

Daniel Abreu disse...

Você devia estar mais próxima de mim. João Pessoa é muito longe. Por hoje me calo, bebi demais essa noite. Obrigado por passar po lá e deixar registrado.

=]

Beijo

Cadinho RoCo disse...

Fique inimiga do seu cansaço não. Dê descanso a ele e pronto. O simples fato de sentir o que sente já é sinal de vida e só isso basta para que se permita ao nascimento do que surge a cada instante ao seu dispor. Se disponha, ainda que seja para a sua indisposição. Nela também há vida.
Cadinho RoCo

Rafa_sv disse...

A vida é assim criatura, tem dias que vc acorda e nem se que suporta a simples idéia de que vc acordou.Parece estranho mais não é tanto se vc pensar bem, mais felizmente esses dias passam e a plenitude voltará a fazer parte da sua vida, e se ela não voltar pode me dizer que euvou lá buscar essa quenga.
=D

Daniel Abreu disse...

Meio do ano que vem? Que vens fazer por aqui?

o.o"

Se der chega a tempo da minha formatura.

=D

Lorena disse...

dan.fabreu@hotmail.com

=)

vanessa disse...

Acho que precisamos renovar, despertar a mudança que existe em nós.
se conhecer mais do ninguém.
E, por fim, acho que precisamos de altas doses de amor-próprio.

Paz... disse...

è engraçado... venho percebendo pelos blogs que passo que todo mundo anda cansado. o q será q está acontecendo?! isso me assusta.

sobre a música, eu conheço a muito tempo, meu pai sempre escuta... aí já viu né, fui influenciada e gosto tbm.

bjos, boa semana!

.Intense. disse...

Seguindo o comentário da Paz, vai ver já é o fim do ano, o cansaço que sempre bate nesses fins de ano...ou, caso contrário, às vezes o percurso é longo, mas vc precisa saber pq. Pra saber do que se recuperar, do que descansar, por onde voltar.

;)

Obrigada pelo coments no blog...não baixei a música que não gosto de samba, mas juro que vou passar a reparar nos marcadores.

=D

beijo intenso!
;*

Cansei de ser abduzida disse...

Cansa e muito... mas nao desisto...nao mesmo!
Nossa... fiquei um tempo sem ler seus posts... maravilhosos como sempre!
já me atualizei novamente!
beijos.. te cuida bem!

.Ná. disse...

Ah, sabe, eu acho que a gente tem todo direito de se sentir cansada! Todo! rsrrs.... Eu ando assim esses dias... cansada de mim, do meu rosto e dos meus vícios!
Beijos

Daniel Abreu disse...

Opa...

É meu sim!

:D

É que eu tava usando a conta de uma amiga, mudando o layout dela. Nem percebi. Só vi agora.

=)

Beijinho

Layz Costa disse...

Adoro essa música, infinitamente.
:}
Jéssica, todo mundo se cansa de si, é péssimo isso, mas é mesmo assim.
beijo
;*

Maria Fernanda disse...

Nossa!!!
A música é uma delicinha!

Caféína disse...

Ei, linda
A vida é assim, cansa a gente, mas é linda, ná?
Ei, conhecia essa música há muito tempo, sabia q era do cartola, mas você ja ouviu o Cazuza interpretando? ganhou uma intensidade, um tom de sofrimento na voz dele!!

Nicky disse...

incrível, vc realmente descreveu como estou me sentido! cansada dessa mesma vidinha de sempre, dessa rotina q não me dá tréguas! não vejo a hora de começar vida nova hehehe

dica: o Cazuza fez uma versão dessa música e, na minha opinião, ficou mais gostosa de se ouvir

ps: sou louca pelo Cazuza e esse música é fantástica!

Carolzinha_ disse...

eu adorei o seu post !!!
E ultimamente tenho sentido a mesma coisa ><
creio que isso é uma fase que logo irá passar. tudo fica bem no final :)
beijos..